NO AR
TOP 40
17h às 20h
Imagem: Agencia Brasil
O empresário John Textor, proprietário do Botafogo, compareceu ao Senado Federal para esclarecer suas recentes declarações sobre manipulação de resultados no futebol brasileiro. Durante a sessão, o senador Romário, relator da comissão, questionou Textor sobre rumores de que estaria planejando vender sua participação no clube.
 
A pergunta aparentemente incomodou Textor, que respondeu de forma contundente: “Com todo o respeito, essa é a pergunta mais estúpida que poderia existir”. Ele afirmou que suas denúncias não têm relação com uma possível venda do Botafogo, enfatizando que não venderia o clube sob tais circunstâncias.
 
Além disso, o empresário esclareceu o funcionamento dos relatórios da Good Game!, empresa de Inteligência Artificial que aponta evidências de distorções em partidas de futebol. Ele também abordou casos específicos, como a suposta manipulação de resultados em jogos do Palmeiras contra São Paulo e Fortaleza.
 
Após as perguntas públicas, Textor participou de uma sessão secreta, na qual entregou documentos aos senadores. O presidente da CPI, senador Jorge Kajuru, indicou que a comissão busca apresentar mais informações sobre o caso, sugerindo que novidades podem surgir em breve.
 
Por William Leal
Com informações da EBC e Estadão

Publicidade

© COPYRIGHT 2024 - 103 FM ARACAJU. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.