NO AR
BOM DIA ALEGRIA 103
08h às 11h

Foto: Divulgação/Twitter

 

Procon de São Paulo notificou o Twitter pelo vazamento de dados de milhões de usuários brasileiros da plataforma e publicados em um fórum de hackers. O acesso aos dados foi revelado na semana passada por uma empresa israelense de segurança eletrônica. O ataque foi “um dos vazamentos mais significativos”, segundo Alon Gal, cofundador da Hudson Rock.

 

O vazamento veio à tona depois que usuários da rede social receberam uma mensagem de um sistema de monitoramento de e-mails que avisa quando alguma informação pessoal é exposta. Ainda não se sabe exatamente quais foram os dados vazados, mas relatos apontam para nome, login, número de seguidores, entre outras informações.

 

O órgão de defesa do consumidor está cobrando o Twitter para “esclarecer quais providências irá adotar para reparar os danos decorrentes do vazamento de dados pessoais e evitar que a falha aconteça novamente”. A empresa tem até o próximo dia 13 para responder ao Procon paulista.

 

“As relações de consumo devem ser amparadas em critérios rígidos de segurança”, afirmou a Oeste o advogado e membro da comissão de defesa do consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil Guilherme Moraes. “Toda afronta aos princípios básicos previstos no Código de Defesa do Consumidor deve ser coibida”, explicou.

 

A notificação do Procon tem como objetivo inicial esclarecer os fatos que devem dar suporte à abertura de um procedimento administrativo por parte do órgão.

 

 

Via Revista OESTE

Publicidade

© COPYRIGHT 2024 - 103 FM ARACAJU. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.