NO AR
AS MAIS PEDIDAS - 1ª ED
11h às 12h

O boletim epidemiológico do Ministério da Saúde apontou para um aumento nos casos de dengue nos dois primeiros meses deste ano. O crescimento é de 35%, em relação a 2021.

Segundo o documento, foram registrados mais de 128 mil casos e 30 mortes entre janeiro e fevereiro. Os municípios mais afetados foram: Goiânia (GO), com 13.608 ocorrências; Brasília (DF), com 8.572; Palmas (TO), com 6.497; Sinop (MT), com 2.754; e Aparecida de Goiânia (GO), com 2.199.

“Com as altas temperaturas e períodos chuvosos, a expectativa do número de criadouros [do Aedes aegypti] aumenta”, afirmou o boletim.

 

Prevenção

 

De acordo com o Ministério da Saúde, é necessário reservar pelo menos dez minutos de um dia da semana para verificar possíveis criadouros do mosquito transmissor, como calhas entupidas, telhados, piscinas, garrafas e pneus.

“Mesmo em lugares que necessitem fazer o armazenamento de água, é importante não deixar os reservatórios destampados para evitar que o mosquito coloque ovos dentro dessas águas.”

Outras recomendações são: manter lixeiras sempre tampadas, colocar areia nos vasos de plantas, utilizar telas de proteção nas janelas da casa e deixar garrafas viradas com a boca para baixo.

A dengue é uma doença provocada pelo vírus arbovírus, transmitido através da picada do mosquito fêmea da espécie Aedes aegypti.

 

 

Via: Revista OESTE

Publicidade

© COPYRIGHT 2022 - 103 FM ARACAJU. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.