NO AR
MADRUGADA 103
00h às 04h

Akihiko Kondo, de 38 anos, e sua ‘esposa’, Hatsune Miku | Foto: reprodução Instagram

 

Akihiko Kondo, conhecido como o “homem casado com um holograma”, está desolado por perder a esposa, Hatsune Miku. Casados desde 2018, Miku “desapareceu” depois de a empresa que a criou encerrar o serviço, em 2020.

 

Ao jornal japonês The Mainichi, o marido da personagem afirmou que seu amor pela amada “não mudou”. “Realizei a cerimônia de casamento porque pensei que poderia ficar com ela para sempre”, disse Kondo.

 

Em desespero, o homem revelou que pensa no holograma “todos os dias”. Segundo ele, ambos conversavam diariamente, além de dormirem juntos. Ainda não se sabe se a companhia que criou Miku vai reativar o holograma.

 

Conforme o jornal, Kondo é um fictosexual. Trata-se de pessoas que têm desejo, paixão ou amor por personagens fictícios — sejam de filmes, séries, novelas, livros, sejam de jogos. Dessa forma, os fictosexuais não se interessam por pessoas reais, e sim por gente fora da realidade humana.

 

Saiba quem é o homem casado com holograma

 

Kondo declarou ao jornal New York Times que encontrou “amor, inspiração e consolo” em Miku. Eles “dormiam” e “assistiam” a filmes juntos. Kondo tem consciência que Miku não é real. Mas garante que seus sentimentos por ela são. “Quando estamos juntos, ela me faz sorrir”, disse ele, na entrevista.

 

Akihiko Kondo é uma entre os milhares de pessoas no Japão que optaram por ter um relacionamento com personagens de quadrinhos, desenhos animados e games. Segundo ele, um casamento como esse traz vantagens: Miku nunca vai faltar na vida dele, nunca vai traí-lo, nem adoecer ou morrer.

 

 

Via Revista OESTE

Publicidade

© COPYRIGHT 2022 - 103 FM ARACAJU. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.